quarta-feira, 5 de maio de 2010

untitled*-*

queria começar de novo, queria saber o que sei hoje há uns tempos atrás... queria ser capaz de ter aceite a derrota, mas não fui e agora sim arrependo-me mas também não me preocupo assim muito com isso porque não há volta a dar, mas há sim um ponto final a findar a página que acabou de ser o fim de um velho e com o inicio de um novo capitulo... capitulo este que ainda se encontrar nas primeiras linhas mas já conta com algumas alegrias e com algumas tristeza mas a vida é assim mesmo...
olho-me ao espelho o tempo passa rápido demais, ainda ontem era outono e já estamos no verão, as horas passam demasiado rápido e eu fico aqui sentado a espera que num murmúrio do vento... á espera que este me traga novidades, que me desperte e me faça caminhar por alguma razão, por algo que me faça feliz por algo que vá-lha a pena. mas, no entretanto fico aqui sentado a ver a relva crescer enquanto espero a sua chegada...

9 comentários:

claudiarodrigues* disse...

esperar é uma virtude muito grande , ainda bem que a tens .
beijinho (:

Martjinháá ♥ disse...

Meu amor *-*

ann disse...

gostei :o

joana bernardo disse...

gostei muito do teu blog, pequenino *
e, eu estou aqui, para esperar contigo, hum? beijinhos

Ann disse...

Obrigada xb
Eu adoro os teus textos $

L. disse...

O tempo passa, e nos crescemos com ele.
Gostei. :)

m.sunshine disse...

não esperes pelo tempo, ou pelo que quer que seja. dança antes um slow com ele (:

Ana Luísa disse...

está tão lindo ! Vou seguir*

Maxwel Quintão disse...

Esperar é de facto uma virtude, que em muitas situações faz-me falta!