quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

14/01/2010

"And it hurts me

To look into the mirror at myself
And it hurts even more
To have to be with somebody else
And it's so hard to do
And so easy to say
But sometimes
Sometimes you just have to walk away
Walk away"

às vezes lutamos por causas perdidas, às vezes acreditamos que essa mesmas causas perdidas podem vir a ser batalhas ganhas, às vezes somo capazes de amar quem não nos faz felizes e às vezes somos a capazes de tudo por essa mesma pessoa... às vezes somos capazes de escutar os nossos corações e somos capazes de ter esperança.
eu fui capaz de tudo isto, eu fui capaz de escutar os meus "anjos da guarda", mas também fui capaz de lhes dizer que queria continuar a luta! bem mas isso foi há algum tempo atrás quando ainda o meu coração nutria do mais puro amor que alguma vez habitara nele, mas infelizmente até o coração começou a perder as esperanças de um dia voltar a palpitar como palpitava ao sentir os lábios tocarem-se, e simplesmente admitiu que talvez os "anjos da guarda" tivessem razão que a causa perdida estava a anos luz e que apesar de ter lutado nada se tivera alterado, que simplesmente o meu ser tinha crescido e tinha desenvolvido competências para tentar continuar a caminhada pela vida, pela felicidade... portanto, um ano após essa primeira palpitação vou seguir em frente, sem nunca me esquecer do passado e pensando sempre que a vida é curta demais e que estamos aqui apenas para sermos felizes...
(L)

3 comentários:

Hugoo disse...

Já te disse o que penso, está lindo mesmo; profundo, sentido *-* vou seguir o blog :p

Filipa ' disse...

' está muito lindo o texto :')
gostei de ler *-*
- vou seguir ^^

eva f. disse...

adorei +.+